Cientistas desenvolvem bioplástico à base de Cannabis

Cientistas desenvolvem bioplástico à base de Cannabis

Sobre as colunas

As colunas publicadas na Cannalize não traduzem necessariamente a opinião do portal. A publicação tem o propósito de estimular o debate sobre cannabis no Brasil e no mundo e de refletir sobre diversos pontos de vista sobre o tema.​

Biopolímero é atóxico e pode substituir plástico de uso único, como o utilizado em canudos e garrafas 

Biopolímero em formato de folha de cânhamo demonstra as propriedades plásticas do CBD. Foto: Reprodução/ ACS Applied Materials & Interfaces, 2022.

Foi publicado na revista ACS Applied Materials & Interfaces, na última quarta-feira (28), um artigo científico redigido por acadêmicos do Departamento de Química da Universidade de Connecticut, reportando a descoberta de um polímero sintetizado à base de CBD (canabidiol).

Segundo os cientistas, o canabidiol pode ser transformado em plástico, pois sua molécula tem propriedades semelhantes às do PLA (Ácido Polilático), um polímero orgânico e biodegradável feito de fibras de milho ou cana-de-açúcar, usado na produção de itens de uso único, como canudos, copos e garrafas, substituindo o plástico feitos a partir de material fóssel, que é altamente poluente.

Leia também: Papel de cânhamo pode ser o futuro da impressão

Mesmo em desenvolvimento, o estudo já apresenta resultados satisfatórios.

O polímero de CBD demonstra “ampla faixa de temperatura de fusão e elasticidade”, ou seja, ele tem propriedades plásticas que permitem que ele seja moldado. Os cientistas demonstraram estas propriedades produzindo uma peça moldada no formato de folha de cânhamo.

Para a publicação, este progresso é possível graças ao afrouxamento da legislação norte-americana, que, após permitir o cultivo do cânhamo em todo o país, tornou esta versátil matéria-prima um insumo muito mais barato.

Com o avanço dos estudos, acredita-se que o polímero de CBD poderá ser largamente utilizado.

Suas características atóxicas permitem que ele seja usado tanto para embalagens de comida quanto para implantes médicos. 

Mercado de Cannabis

O mercado de produtos à base de cannabis é muito promissor. A Dr. Cannabis oferece um curso introdutório de 40 minutos para quem quer ter mais informações sobre esse setor e suas oportunidades. Custa apenas R$ 98. Inscreva-se aqui.

Tags:

Artigos relacionados

Relacionadas