Melhor do mundo no futebol entra para o mercado de cannabis

Melhor do mundo no futebol entra para o mercado de cannabis

Sobre as colunas

As colunas publicadas na Cannalize não traduzem necessariamente a opinião do portal. A publicação tem o propósito de estimular o debate sobre cannabis no Brasil e no mundo e de refletir sobre diversos pontos de vista sobre o tema.​

Craque de bola, ativista e empreendedora no mercado de cannabis medicinal. Megan Rapinoe é uma verdadeira craque na vida.

 

Você conhece Megan Rapinoe? É uma jogadora de futebol norte-americana que atualmente joga no Seattle Reign FC.

Ela é bicampeã da Copa do Mundo com os Estados Unidos (2015 e 2019) e foi eleita a melhor jogadora do mundo pela FIFA (2019). Megan se destaca tanto dentro quanto fora de campo.

A atacante faz questão de levantar pautas super importantes, e usar sua influência para expor fatos ao mundo. 

Rapinoe está na linha de frente na luta pelos direitos da comunidade LGBTQIA +, e, nos últimos tempos, entrou de cabeça no universo da cannabis.

Investimento em Cannabis

Junto de sua irmã, Rachael Rapinoe, a estrela dos gramados está investindo no mercado canábico, tendo aberto recentemente uma empresa de fornecimento de medicamentos e óleos de CBD para atletas, a Mendi. 

O uso de Canabidiol em atletas vem se tornando cada vez mais frequente, tendo sido inclusive liberado da lista de doping nas Olimpíadas de Tóquio no ano passado e nas Olimpíadas de Inverno Beijing, que está em andamento. 

O CBD pode auxiliar no tratamento de dores físicas dos atletas, diminuindo também o estresse e o desgaste mental provocados pela pressão em competições de elite.

Recentemente, o novo empreendimento da craque participou de algumas competições de startups, com grande destaque.

Em entrevista ao Sports Cannabis, Rachael comentou: 

“Nossa missão com a Mendi é capacitar os atletas e estilos de vida ativos com ferramentas para prosperar naturalmente. Nosso objetivo é ser a marca de cânhamo e cannabis de confiança para atletas, entusiastas do esporte e pessoas que buscam um estilo de vida saudável. Pessoas que desejam produtos transparentes e de alta qualidade, formulados para auxiliar no sono, dor, stress, ansiedade, energia e foco. Estamos também criando uma marca que, sinceramente, defende a equidade, a igualdade nos esportes e no cenário de maconha. Esperamos construir um futuro mais brilhante para todos nesta jornada” – 

A empresa tem tudo para dar certo. Os ideais das irmãs Rapinoe, junto da fama e da influência da jogadora, podem fazer com que a Mendi se torne referência no mercado de cannabis medicinal. 

Além de poder ser um divisor de águas na relação que a cannabis tem dentro do esporte. 

Tags:

Artigos relacionados

Relacionadas